Moldes de injeção impressos em 3D ajudam a Seuffer a derrubar os custos com usinagem em até 97%

seuffer, injection molds, 3d printing

Manufatura aditiva Stratasys comparada à usinagem CNC: molde de injeção impresso em 3D e a peça resultante próximos à ferramenta de aço com design idêntico

Mesmo sem saber, você certamente usa centenas de peças e produtos moldados por injeção todas as semanas. O processo de moldagem por injeção é empregado por fabricantes do mundo inteiro para produzir peças em vários materiais, mais comumente, termoplásticos. Os moldes ou ferramentas de metal usados no processo podem custar dezenas de milhares de dólares e levar semanas para serem produzidos em uma máquina de CNC. Antes do início da produção em massa, a peça moldada por injeção precisa ser avaliada em termos de desempenho e ajuste/encaixe. Se mudanças significativas forem necessárias, um novo molde inteiro de alumínio ou outro metal deverá ser usinado. Muito caro e muito demorado!

Mas a Seuffer, fabricante de peças para eletrodomésticos e veículos comerciais localizada nas cercanias da Floresta Negra, na Alemanha, descobriu os benefícios da manufatura aditiva. A Seuffer usa os moldes de injeção impressos em 3D pela tecnologia Stratasys para reduzir o tempo e os custos de produção de amostras de peças moldadas por injeção.

"Com a impressão 3D Stratasys, podemos desenhar os primeiros rascunhos do molde de injeção em alguns dias e imprimi-lo em 3D em menos de 24 horas para poder avaliar as peças", diz Andreas Buchholz, líder de pesquisa e desenvolvimento na Seuffer. "Tradicionalmente, seriam necessárias 8 semanas para fabricar a ferramenta em metal usando o processo convencional de CNC.  E, enquanto a ferramenta convencional custa cerca de 40000 euros, a versão impressa em 3D sai por menos de 1000 euros, uma economia de 97%".

 

seuffer-2

Assista este vídeo para saber como a mudança da Seuffer para a impressão 3D está revolucionando processo de moldagem por injeção da empresa:

Este post também está disponível em: Chinês, Inglês, Japonês, Espanhol, Korean

Deixe um comentário

*