Assista a competição de carros malucos impressos em 3D

O que acontece quando você mistura carrinhos em madeira tradicionais com a impressão 3D?
"Dia de Lançamento" – patrocinado pela IDSA (Industrial Design Society of America) e pela Inventables!

"Liquid" produzido em uma impressora 3D multimaterial Objet500 Connex

Equipes de empresas de engenharia e design do mundo inteiro inscreveram seus designs criativos de carrinhos impressos em 3D. Entre centenas de inscrições, as 10 melhores foram produzidas em impressoras 3D FDM e PolyJet Stratasys. Balloona, Donky Kong e RocketMan eram alguns dos nomes caprichosos dos vencedores!

Cada um deles foi lançado de uma rampa com 1,8 m de altura impressa em 3D. Julgadas em função da distância, beleza e "batida mais espetacular", as equipes vencedoras receberam impressoras 3D patrocinadas pela Inventables.

Alguns membros sortudos da equipe Stratasys em Eden Prairie, Minnesota, EUA, foram escolhidos para ajudar a dar vida aos designs de carrinho em plástico ABS. Adam Stegeman, engenheiro sênior de aplicações da Stratasys, compartilhou uma visão do processo de produção:

"Tínhamos uma semana até a corrida. Algumas pessoas no escritório entraram em ação para a ajudar a produzir e enviar sete carrinhos para que eles chegassem a tempo da corrida. Cada um dos carrinhos impressos em 3D pela Stratasys foi produzido em plástico ABS. Outras organizações ajudaram a imprimir em 3D a pista e outros carros, todas com o auxílio de impressoras 3D FDM e PolyJet Stratasys. Os designs variavam em criatividade e nível de complexidade, mas quase todos tinham características relacionadas ao tema batidas. Um dos designs era tão frágil que questionamos o projeto, mas ficamos sabendo que eles queriam que o carrinho explodisse no impacto... no final, parecia funcionar da forma planejada."

Conheça os carrinhos antes e depois do lançamento e saiba mais sobre como eles foram projetados e produzidos neste vídeo da Inventables:

 

Este post também está disponível em: Chinês, Inglês, Japonês, Espanhol, Korean

Deixe um comentário

*