Custos e prazos reduzidos são resultados da utilização de uma impressora 3D Stratasys pela Eletro Zagonel

zero360 wristband prototypes produced on an Objet500 Connex3 Color Multi-material 3D Printer  by Stratasys (photo by IPF)

Roberto Zagonel, presidente da Eletro Zagonel.

A Eletro Zagonel é uma das líderes nacionais na indústria eletroeletrônica. Sua linha de produtos vai de chuveiros e torneiras elétricas à lanternas e luminárias; os dispositivos são distribuídos por todo o Brasil, além de serem exportados para o México e para vários países da África.

A fim de otimizar a produção desses dispositivos, o presidente da Eletro Zagonel, Roberto Zagonel, adquiriu uma impressora 3D Objet30 Desktop da Stratasys. “Consegui reduzir de meses para poucas horas o tempo levado para produzir protótipos funcionais dos produtos”, diz empresário. Além da rápida produção, Zagonel frisa que obtiveram um aumento na qualidade e diversidade de produtos. “Passamos a construir vários protótipos, dando corpo a diferentes ideias de produto e diferentes engenharias; isso deu asas aos nossos projetistas, que puderam ser ainda mais criativos e inventivos nos novos produtos em desenvolvimento”.

zero360 wristband prototypes produced on an Objet500 Connex3 Color Multi-material 3D Printer  by Stratasys (photo by IPF)

Comparação do protótipo criado pela impressora 3D Stratasys (à esquerda) com o produto final (à direita).

Os protótipos funcionais desenvolvidos pela impressora 3D da Stratasys recebiam, manualmente, componentes elétricos para a realização dos testes reais. “Uma das últimas duchas desenvolvidas contou com um protótipo tão perfeito que eu mesmo o testei na minha casa, tomando banho por vários dias em um chuveiro que, na verdade, era um protótipo”, conta Zagonel.

Com o auxílio da tecnologia de impressão 3D, os custos de matrizaria foram reduzidos. “Percebi que não adiantava economizar na prototipagem e depois gastar demais na matriz”, ensina. “Os custos de matrizaria de um novo produto podem variar de 400 mil a 1,5 milhão de reais; sem a tecnologia de prototipagem 3D, acabávamos tendo de recriar as matrizes até chegar ao produto com as características desejadas. A Objet30 Desktop nos ajuda a consolidar o produto ainda na fase de protótipo, de modo a não errar no chão de fábrica e ter de construir novas e caras matrizes”.

O presidente da Eletro Zagonel conta que utilizaram muitas formas de se produzir protótipos antes de adquirir uma impressora 3D. Uma delas foi através de uma empresa localizada na China que oferecia serviços de impressão 3D. Mas dois fatores o levaram a desistir desse modelo. “Os prazos de entrega do protótipo gerado na China eram muito longos – era comum termos de esperar entre 45 e 70 dias úteis para receber o modelo de volta, em Santa Catarina”. Além da demora na entrega dos protótipos existia também a falta de confidencialidade. “Esse prestador de serviços chinês tinha acesso total ao nosso projeto e de alguma forma, um de nossos projetos vazou e o produto que criamos foi fabricado primeiro, de forma desleal, por um concorrente”.

Decidido a internalizar esse processo, optaram por adquirir uma impressora 3D Stratasys. “As impressoras Stratasys se destacam por produzir com rapidez protótipos funcionais e resistentes, exatamente o que estávamos buscando”, diz Roberto Zagonel.

zero360 wristband prototypes produced on an Objet500 Connex3 Color Multi-material 3D Printer  by Stratasys (photo by IPF)

Equipe Eletro Zagonel.

Felizes com a aquisição, o empresário brinca, “Todos estão apaixonados por esta máquina”. E completa, “Eu e os engenheiros projetistas, em especial, nos encantamos com o fato de que podemos desenvolver uma nova ducha num dia e ir para casa; no dia seguinte, de manhã, encontraremos dentro da impressora 3D o protótipo desse novo produto com a aparência e a funcionalidade que estávamos buscando. Para nós, desenvolvedores de projetos, cada novo produto Eletro Zagonel é um filho; graças à Objet30 Desktop, agora ele nasce mais rápido”.

Deixe um comentário

*